terça-feira, 20 de novembro de 2007

Pétala negra da pele flor *

beleza pele pele na pele
pele separa separajunta dor
olho no olho (Ó)lho no olho do ébano olho na pele

negra pele pele negra negra flor
flor pele na pétala negra da pele flor
no pro meio inclui tira/inclui a pele negra flor
pele pele jeito olhar cabelo pele dança pele música religião pele cultura
Inclui exclui/exclui inclui
a firma afirma
afirma a flor negra pele
reconhece inclui afirma exclui/exclui
inclui pétala negra da pele flor


* Para ler num fôlego só


Por Henry Pôncio Cruz de Oliveira
20 de novembro de 2007 - Dia da Consciência negra
Texto re-editado em 13out2008

Um comentário:

Thulio disse...

Poema muito intenso afirmando ou confirmando a leveza da pele negra, da beleza negra da pele em flor, pura flor negra. Quase sufocamos.
Completa e ata o poema dos tambores.
Parabéns e um grande beijo no coração!